Escolha uma Página

Mais que um blog, uma fonte de insights.

Receba gratuitamente as atualizações em primeira mão!

Fique tranquilo, jamais divulgaremos seu e-mail!

São significativos os avanços e mudanças que aconteceram nas tecnologias de Business Analytics (BA) de alguns anos para cá. Ideias, concepções, conceitos, ferramentas, técnicas, métodos etc. Todos esses avanços com foco em proporcionar uma adequada experiência aos usuários da solução.

E para você ficar por dentro dessas mudanças que estão acontecendo, queremos compartilhar algumas das tendências que irão direcionar (ou estão direcionando) esta solução para os próximos anos.

 

1. Insights automáticos tomando lugar de relatórios pré construídos

Tradicionalmente, nos acostumamos a demandar relatórios para TI ou para power users da nossa plataforma de Business Intelligence. Uma mudança deve começar a aparecer mais fortemente em 2019, com os sistemas recomendando relatórios bem formatado com informações relevantes.

Essa mudança vem da adoção, cada vez maior, de algoritmos inteligentes dentro dos sistemas tradicionais de Business Intelligence, para otimizar o tempo gasto na busca e estruturação da informação nessas plataformas.

Ferramentas de Data Discovery vão desempenhar papel central nessa pequena guinada. “Conversando” com as cada vez mais adotadas, ferramentas de Master Data Management, vamos ser capazes de acessar cada vez mais informações de qualidade com menos cliques.

 

2. Algorítimos avançados de Analytics tornando-se mainstream

Com o crescente número de produtos e pacotes específicos voltados a resolver o problema de “empacotar” a utilização mais genérica e automação de IA e tornar o processo menos dependente de desenvolvedores, devemos ver em 2019, um grande número de aplicações dando poder de inteligência ao usuário final.

Somando-se a isso o nível de qualidade que atingiram muitas ferramentas e algorítmos de IA, devemos ter um número crescente de decisões especializadas sendo fundamentadas com apoio de dados, como recrutamento de talentos e atividades de brand marketing.

A Gartner pervê que até o final de 2019, esse ceário de BI + IA vai promover mais Business Analytics do que Data Scientists em 2019.

 

3. Chief Data Officer

90% de grandes empresas vão ter um CDO até o final de 2019 – Essa profissão desempenha um papel central em manter a cultura analítica e assistir qualidade e governança dos dados da organização;

 

4. Master Data e Qualidade

Sendo qualidade dos dados, fator central pra sucesso de projetos de BI/BA, essa atividade tende a ser olhada com mais atenção em 2019.

Já existem diversas ferramentas para manutenção de Master Data e Data Quality, mas elas tendem a ser melhoradas e mais adotadas esse ano, tanto pelo tempo gasto manualmente em diversos projetos, quanto por regulações (GDPR, LGPD).

Com projetos de BigData virando mais comuns e seus frutos atingindo até clientes finais, cresce a necessidade na adoção dessas ferramentas de governança.

 

5. Deep Learning crescendo ainda mais

Cada vez mais devemos ver a adoção Deep Learning onde antes eram utilizadas técnicas de Machine Learning tradicionais. Dentro desse movimento, devemos ver uma explosão na adoção de algorítmos de Reinforced Learning.

 

6. Informações como ativo e ética

Inteligência artificial, segundo a definição de Alan Turing ainda não existe e, um dos grandes enganos sobre IA – segundo o professor de Psicologia e Ciências neurais da Universidade de Nova York, Gary Marcus – é que as pessoas acham que nós estamos próximos dessa definição.

IA como conhecemos hoje, custa muitos dados e as organizações, faz um tempo, já acordaram há um tempo para isso. Entretanto, as informações mais valiosas que tem por aí são informações pessoais de usuários – quanto mais sensíveis mais valiosas.

Será comum também a parceria entre CDOs e CFOs para valuation de companhias cujo negócio central é prover dados de alguma espécie.

 

7. Inteligência e IoT

Crescerá significativamente a quantidade de appliances – Hardware + Inteligência – dada a especialização de hardwares e arquiteturas otimizados para IA.

Esses dispositivos serão capazes de resolver problemas específicos e atuar em conjunto para promover analytics em tempo real em problemas que requerem rapidez de consumo de fast-data.

 

Você está preparado para as tendências de Business Analytics em 2019?

Ao longo deste artigo descobrimos algumas das tendências do mercado de dados para os próximos meses. Com base nas características que abordamos, você pode fazer uma boa avaliação sobre a sua empresa para conseguir melhorar a forma se posicionar diante dessas novidades.

Será que a sua empresa é madura o suficiente em relação ao uso de dados nas tomadas de decisão? Descubra respondendo ao nosso teste!

Analytics Architect & Front-ender at | marcello@oncase.com.br